DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

22 de set de 2017

Nota de repúdio à violência contra trabalhadores da Imprensa em Mato Grosso



O Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor/MT), em decorrência de diversas denúncias de violência contra trabalhadores da imprensa no estado, vem a público manifestar completo repúdio a qualquer atitude hostil ou agressiva àqueles que se esforçam para cumprir a função social de informar a população.

Infelizmente, junto à crescente onda de intolerância e discriminação no país, acompanhamos também o aumento da violência contra os profissionais da Imprensa brasileira em mais de 60% no último ano, segundo a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert).

Reiteramos, no entanto, nosso compromisso e preocupação com o exercício responsável do Jornalismo, com a observação do nosso Código de Ética Profissional e o respeito ao direito constitucional à informação ampla, verdadeira e de qualidade.

Como entidade representativa, o Sindjor/MT se mantém alerta e atento às questões de interesse da categoria e, com esse documento, cobra publicamente das instituições competentes as devidas investigações e responsabilizações dos acusados de praticar violências físicas e/ou simbólicas.

Repetimos: nada justifica a violência contra jornalistas ou à população em geral. Numa sociedade que se pretende democrática, as divergências e contradições devem ser superadas sempre por meio do diálogo e do respeito mútuo, fora ou dentro das instâncias adequadas.


Diretoria do Sindjor/MT

Nenhum comentário: