EXTRA! EXTRA! Sindjor/MT implanta novos métodos de arrecadação; Contribua!

O Sindjor/MT comunica à sua base que o funcionário Gilmar da Silva Ramos não compõe mais o quadro de funcionários da entidade e, por esse motivo, a partir de dezembro de 2016, o sindicato passa a receber de outras formas, que dependem do compromisso e pró-atividade do filiado.

Os sindicalizados podem decidir se preferem: depósito, desconto em folha, transferência, pagamento por cartão em débito ou crédito (na sede do Sindjor) ou (em breve) emitir boleto pelo site da entidade, para pagar em qualquer banco até o vencimento.

O Sindjor busca novas formas de receber, dar mais celeridade ao processo, bem como mais comodidade aos sindicalizados para efetuarem o pagamento.

Vale salientar que o pagamento da mensalidade de R$ 29,50 ou da anuidade de R$ 354,00 (que pode ser parcelada), é importante porque é com esse recurso que a entidade mantém aberta e paga despesas de funcionamento como energia elétrica, aluguel e a secretária que, agora, é a única funcionária da entidade, disponível para atendimento (por email, telefone e pessoalmente) e dar andamento nas demandas, já que não há nenhum diretor é liberado para desempenhar a função.

A atual diretoria está buscando se aproximar da categoria e manterá tal valor até 31 de dezembro de 2016. A partir de janeiro de 2017, será aplicado o novo valor previsto, de R$ 32,50.

O atendimento do sindicato é das 12h às 18h, de segunda à sexta-feira.

Confira os contatos do Sindjor/MT:
Telefone fixo: (65) 3025-4723
Celular/whatsapp: (65) 9 9646-3060
Sede: Av. Mato Grosso, nº 167, Sala 02, Centro Norte, Cuiabá/MT, descendo a avenida, quase chegando na Av. do CPA, ao lado da TV Sim, acima do Pacheco Materiais para Construção.

Informações necessárias
- Depósito ou transferência (sugestão: programar mensalmente)
Banco do Brasil
Agência: 046-9
Conta Corrente: 524390-4
CNPJ: 03.990.454/0001-45
> É importante enviar comprovante de pagamento por email ou whatsapp

- Desconto em folha: modelo abaixo, para ser preenchido, assinado e entregue no Departamento Pessoal da empresa, requerendo. Avisar o sindicato.

- Boleto: será cadastrado no site do Sindjor (sistema está em implantação) e será divulgado.

- Pagamento em débito ou crédito – também para renegociação: na sede do Sindjor, com parcela mínima de R$ 50,00.

E os não sindicalizados?

Aos que ainda não são sindicalizados o Sindjor convida a fortalecer sua entidade de classe e também apresentar sugestões para uma gestão de todos e para todos. Para isso basta preencher a ficha de filiação que está no site. Imprimir a ficha, preencher e entregar no Sindjor junto com cópia dos seguintes documentos:
* 2 Fotos 3x4
* CTPS (nº. e série / qualificação civil / registro regulamento profissional)
* RG e CPF
* Diploma de Jornalismo
* Autorização de Desconto em Folha
* Pagar R$ 29,50 – Mensalidade ou R$ 354,00 – Anuidade (pode ser parcelada no cartão de crédito, na sede do Sindjor/MT)

ANEXO:

AUTORIZAÇÃO DE DESCONTO EM FOLHA

Eu, ___________________________________________, CPF ___________________, categoria _____________________, funcionário (a) da empresa ___________________ ______________________________, exercendo a função de _____________________ ___________________________, informo que sou regularmente filiado (a) ao Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor/MT).

Neste sentido, autorizo o desconto em folha de pagamento e repasse ao Sindjor/MT de um valor mensal de R$ 29,50 (vinte e nove reais e cinquenta centavos), referente à mensalidade devida pelos sindicalizados à entidade.

Para facilitar, solicito o repasse à conta corrente da entidade, cujos dados são: Banco do Brasil, Agência: 046-9, Conta corrente: 524390-4.

Após, encaminhar o comprovante de repasse pelo e-mail sindicatodosjornalistasdemt@gmail.com, aos cuidados da responsável financeira Priscila Mendes.

Informações podem ser sanadas pelos telefones (65) 3025-4723 (Sindjor/MT).

__________________, __/__/__

__________________________________
Assinatura

Favor repassar uma via ao Sindicato

Comentários

Postagens mais visitadas