DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

17 de abr de 2013

Prazo para inscrição de chapas se encerra no dia 22 de abril


Está aberto, até as 18 horas do dia 22 de abril, o prazo para inscrição de chapas para as eleições da FENAJ, que ocorrerão de 16 a 18 de julho. A eleição é pelo voto direto dos jornalistas sindicalizados e em dia com seus sindicatos.

O processo eleitoral da FENAJ será conduzido pela Comissão Eleitoral Nacional (CEN) e por Comissões Eleitorais Locais a serem indicadas pelos Sindicatos de Jornalistas. A CEN redefiniu, em reunião realizada nesta quinta-feira (11), sua presidente. Benildes Maria Rodrigues Santos passa a exercer a função, tendo em vista que Sueli de Freitas justificou dificuldades para prosseguir na presidência, por motivo de mudança de endereço para outro estado da federação.

O dia 22 de abril, além de prazo final para inscrição de chapas, é, também, data limite para que os Sindicatos encaminhem à CEN a lista de todos os filiados até 3 meses antes da eleição. Deste universo, poderão votar todos aqueles que estiverem em dia com os Sindicatos dos Jornalistas. O colégio de eleitores aptos será conhecido até o dia 6 de julho (10 dias antes da eleição, conforme prevê o Regimento Eleitoral da FENAJ). Este contingente, no entanto, poderá aumentar, tendo em vista que mesmo os associados inadimplentes poderão quitar seus débitos e votar nos dias 16 a 18 de julho, conforme o calendário de cada estado ou região.

Cada Sindicato de Jornalistas poderá optar em fazer a eleição em 1, 2 ou 3 dias. Mas deverá comunicar a data previamente à CEN. Nos estados ou regiões onde a eleição for em 2 dias, deverá ser em 17 e 18 de julho. E naqueles onde o processo eleitoral ocorrerá em apenas um dia, em 18 de julho. Em alguns Sindicatos, além da eleição da Diretoria da FENAJ e da Comissão Nacional de Ética, haverá, também, eleição para as respectivas diretorias e Comissões Estaduais de Ética (como no município do Rio de Janeiro e no Ceará).

Chapas e candidaturas avulsas
Na eleição para a direção da FENAJ, a inscrição é por chapa. Já para a Comissão Nacional de Ética, além da possibilidade de inscrição de chapas, há a possibilidade de inscrição de candidaturas avulsas, pois o eleitor poderá votar em até 5 candidatos.

Para serem candidatos à eleição da diretoria da FENAJ, aqueles que o pretenderem devem ter ao menos 6 meses de filiação a um Sindicato de Jornalistas. Já para a Comissão Nacional de Ética, a este prazo soma-se a exigência de que os candidatos tenham ao menos 10 anos de exercício comprovado da profissão.

Para obter o registro, as chapas devem ter no mínimo, 30% dos cargos ocupados por mulheres.

A CEN expedirá circular com mais orientações sobre o processo eleitoral aos Sindicatos de Jornalistas nos próximos dias.

Nenhum comentário: