DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

8 de fev de 2012

Nota Pública: Jornalistas da Folha ameaçam fazer greve novamente

NOTA PÚBLICA 

Jornalistas da Folha ameaçam fazer greve novamente 

Trabalhadores da redação do Jornal Folha do Estado, em Cuiabá, decidiram em Assembleia Geral Extraordinária, segunda-feira, dia 6 de fevereiro de 2011, à noite, por indicativo de greve devido atraso salarial das folhas de dezembro e janeiro. 

Já sentindo a insatisfação dos funcionários, que no final do ano passado fizeram greve por causa do mesmo problema, a empresa propôs um calendário de pagamento dos atrasados. Afirma que vai quitar dezembro até 10 de fevereiro, próxima sexta-feira; e janeiro uma semana depois, até o dia 17. Este mês, conforme o calendário da empresa, será pago até 20 de março. 

As greves do ano passado forçaram a empresa a pagar os salários atrasados. 

Os jornalistas da Folha do Estado, já muito saturados com essa situação de atraso que se repete, aceitam o calendário, mas só vão esperar até as 18 horas da data determinada para pagar. Caso contrário, no dia seguinte, entram em greve. Eles procuraram novamente a direção do Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor-MT) que chamou a assembleia geral para discutir a insistente reincidência do problema. 

O Sindjor-MT ressalta que, por lei, as empresas estão obrigadas a pagar salários até o quinto dia útil. Essa obrigação consta ainda do Acordo Coletivo, assinado entre o Sindicato e a empresa em questão, com validade de maio de 2011 a maio de 2012. 

A diretoria do sindicato comunica que tem monitorado casos de atrasos salariais das empresas, como do jornal Diário de Cuiabá, e tomará medidas possíveis para resguardar conquistas fundamentais dos trabalhadores da imprensa, principalmente salário em dia, o que é um direito básico. 

Diretoria do Sindjor-MT

Cuiabá, 8 de fevereiro de 2012

Nenhum comentário: