DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

5 de jul de 2011

Ata da Reunião Ordinária de 27/06/2011

SINDICATO DOS JORNALISTAS DE MATO GROSSO
Gestão “O Sindicato é você” 2011-2013
Filiado à Fenaj-Federação Nacional dos Jornalistas e à CUT
Av. Mato Grosso, Nº 167, Sala 02, Centro Norte, Cuiabá-MT CEP 78005-030
www.sindjormt.org.br
E-mail: sindicatodosjornalistasdemt@gmail.com

Ata da Reunião Ordinária do Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso.
Aos vinte e sete dias do mês de junho de dois mil e onze, reuniram-se, em Reunião Ordinária, às 19h30, na sede do Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor-MT), o presidente do Sindjor, Téo Meneses, a tesoureira, Márcia Raquel, a diretora de Mobilização, Keka Werneck, o diretor nacional junto à Fenaj, Jonas da Silva, e demais jornalistas para tratar das seguintes pautas: campanha salarial, arrecadação para a sede do Sindjor-MT e balanço da festa junina. Informes: Teo comunicou que, na terça-feira (28), acontecerá um fórum contra as Organizações Sociais de Saúde (OSS), no Sindicato dos Bancários. Jonas se comprometeu em participar do fórum. Jonas disse que vai fazer o texto de divulgação do livro de Nelson Severino. Keka lembrou da participação da professora Amanda Gurgel no evento da Andes, quarta-feira (29), no Centro Cultural da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e disse que vai fazer uma entrevista com a professora. Jonas defendeu a necessidade de focar em alguns encaminhamentos feitos no seminário para o segundo semestre deste ano. Propôs também organizar uma assembleia popular para discutir temas sociais, pois percebe que a população de Cuiabá está desmobilizada. Keka sugeriu a reativação do fórum estadual pela democratização da mídia. Teo informou que o sindicato conseguiu fechar os primeiros convênios e parcerias com algumas lojas de roupa e que as empresas serão divulgadas no site do sindicato. Márcia Raquel falou a respeito da visita ao terreno com o arquiteto Fernando. Na avaliação do arquiteto o terreno é muito acidentado, o que implica em muitos gastos com aterro e mudança no projeto estrutural. Márcia Raquel sugere uma negociação com a Secretaria de Estado de Administração (SAD) para tentar reaver o terreno anterior. Teo também defende que o sindicato tem que lutar pelo primeiro terreno e os demais jornalistas concordam. Sobre a arrecadação para a sede: com a festa junina, o Sindjor-MT teve um lucro de aproximadamente R$ 2.900,00. Sobraram um pote de paçoca, torrones, bombons, cerca de seis caixas de cerveja em lata e pães de mel, os quais também serão vendidos para somar ao lucro da festa. Márcia Raquel vai tirar um extrato da conta bancária e também ficou responsável por fazer um ofício para as empresas de comunicação descontarem a mensalidade do sindicato na folha de pagamento dos jornalistas, com a devida autorização do profissional. Teo vai passar nas empresas para comunicar aos jornalistas, por meio de panfletos informativos, que os mesmos poderão optar pelo desconto em folha, sendo necessário apenas se dirigir ao RH da empresa e permitir a transação. Em relação à divida com a Fenaj, Márcia Raquel informou que a dívida foi revisada, com isso o valor caiu para R$ 300,00. Teo disse que Pacheco ofereceu o ar-condicionado que está na sala do sindicato por R$ 190,00. Ficou encaminhado que, antes de definir a compra, o Teo verificará com o Dr. Marcos se ele ainda vai doar o equipamento que tinha prometido. Caso a doação não seja confirmada, Márcia Raquel deverá negociar o valor solicitado por Pacheco. Festa Junina 2011: todos os presentes consideram que a festa foi muito boa. Márcia Raquel destaca que o sucesso do evento se deve, principalmente, ao empenho da equipe e à venda antecipada de ingressos, o que deu mais segurança. Ficou encaminhado que nas próximas festas também haverá venda antecipada de entradas. Priscila comunicou que o site do Sindjor está no ar e agora possui o domínio sindjormt.org.br. A página ainda deve passar por melhorias. Ficou decidido que: será realizado um evento para lançar a nova página do Sindjor-MT; que nas próxima reunião devem ser apresentadas propostas para o curso de especialização oferecido pela Fiemt e que o Teo vai encaminhar à Tiele, da Eletronorte, as reivindicações da campanha salarial de 2011. O presidente do Sindjor-MT, Téo Meneses, encerrou a reunião e eu, Caroline Surdi Lanhi, lavro a presente ata.

Nenhum comentário: