DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

2 de set de 2010

SINDJOR-MT EMITE NOTA CONTRA VIOLÊNCIA SOFRIDA POR FOTÓGRAFO

O Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor-MT) vem, por meio desta nota pública, rechaçar a violência cometida contra um trabalhador da comunicação, o fotógrafo Guilherme Filho pelos seguranças de uma coligação partidária, na noite de quarta-feira (01.09), no bairro Pedra 90, periferia de Cuiabá. Guilherme trabalha na assessoria de imprensa de coligação adversária. Ele alega que, ontem à noite, estava no Pedra 90 a trabalho, quando resolveu fazer umas fotos da carreata adversária que se aproximava. Relata ainda que seguranças dos candidatos arrancaram-lhe seu instrumento de trabalho, sua máquina fotográfica, que ficou danificada. Ainda de acordo com Guilherme, um dos seguranças lhe desferiu um golpe conhecido por “gravata”. Houve empurra-empurra. Conforme foto que repercutiu na mídia local, os candidatos da coligação viram a agressão cometida pelos seus seguranças.O trabalhador registrou boletim de ocorrência policial.Neste e em outros episódios, o Sindicato, como entidade, não tem preferência partidária, já que representa a heterogeneidade da categoria. Mas não pode se omitir na defesa de todo trabalhador e trabalhadora da imprensa e das comunicações, quando há desrespeito aos direitos básicos.
Esta nota vem, sobretudo, no sentido de garantir o exercício do jornalismo.

A DIREÇÃO

Nenhum comentário: