DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

7 de abr de 2010

NOTA PÚBLICA PARA MARCAR O DIA DO JORNALISTA – 07 DE ABRIL

VAMOS NOS INDIGNAR!

Já que não temos muito o que comemorar neste 07 de abril – Dia do Jornalista - vamos nos indignar!

Vamos nos indignar porque num país onde a maior carência é a educação, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que não é preciso estudar para ser jornalista.

Vamos nos indignar porque em Mato Grosso os jornalistas estão prestes a completar 15 anos sem piso salarial. Em 1995, foi estabelecido o piso de R$ 1.050,00. Na época essa quantia valia 10,5 salários mínimos. Hoje a referência continua a mesma, porém, significa pouco mais de dois.

Vamos nos indignar porque publicamos as mais diversas lutas e protestos por melhorias nas condições de trabalho, menos as nossas reivindicações. Essas nunca aparecem nos jornais, claro!

Vamos nos indignar porque enfrentamos uma batalha diária nas ruas para garantir a informação de qualidade e quando abrimos os jornais no dia seguinte, muitas vezes, nos deparamos com nosso esforço desperdiçado diante da censura. E quando a sociedade fala em cobrar qualidade dos meios de comunicação, aí o patronato levanta a voz, dizendo que isso é que é censura. Mentira! Todos nós sabemos que censura é não falar sobre alguns políticos corruptos, de algumas empresas que compram espaço publicitário e por aí vai.

Vamos nos indignar porque a informação não é tratada como direito humano. E sim como um produto para gerar lucro.

Vamos nos indignar porque estamos assistindo, bastante calados, à redução de uma das mais importantes profissões. Nós, jornalistas, não somos e não podemos ser tratados como massa de manobra. Mas muitas vezes temos sido.

A DIREÇÃO

Nenhum comentário: