DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

17 de nov de 2009

JORNALISTA FÁBIO MONTEIRO FAZ CONSIDERAÇÕES SOBRE NOTA EMITIDA PELO SINDJOR-MT CONTRA CENSURA IMPOSTA AOS BLOGS QUE ESTÃO OPINANDO SOBRE RIVA

Cara Keka,

Quero como jornalista - e tudo bem se alguém fizer uma leitura diferente por eu ser assessor de imprensa do deputado Riva, respeitarei as opiniões diversas - fazer algumas considerações em relação a sua nota em nome do Sindicato, o qual faço parte:

1- Em nenhum momento na ação ou na decisão do Juiz Sakamoto, foi cogitada a censura a algum órgão de imprensa pública, privada ou independente, no caso dos blogs,

2- A defesa à honra é direito de todo cidadão sejá lá quem for e os crimes que cometeu, sendo uma prerrogativa dos Direitos Humanos, o qual tenho a certeza que você também defende,

3- Na decisão ficou claro que todos os acusados podem continuar noticiando sobre qualquer assunto do deputado, inclusive sobre os processos, porém, não deverão usar do seu blog para xingar, difamar ou achincalhar. Isso já deveria ser considerado, pois é princípio básico ensinado nas faculdades de Jornalismo. Se esse princípio fosse considerado, uma ação como essa não seria necessária.

4- Considerando isso, acredito que antes de você ter feito uma nota tão absurda como esta em nome de uma classe, deveria ter lido com mais atenção a decisão da liminar dada pelo juiz.

5- Como jornalista também recrimino a censura, porém sempre acreditei no respeito mútuo e em um jornalismo alicerçado em bases fortes e de conduta reta. Porém, é triste saber que em nossa profissão o que mais temos são túmulos caiados.

Atenciosamente Fábio Monteiro

Um comentário:

Anônimo disse...

Falo capanga do Riva...