DESTAQUE

NOVO PISO: Jornalistas e patrões firmam acordo coletivo de 2017

Da assessoria Após seis rodadas de negociação, mediadas pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, o Sindic...

30 de jun de 2008

ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 28 DE JUNHO DE 2008



SINDICATO DOS JORNALISTAS DE MATO GROSSO - Sindjor
Filiado à Fenaj – Federação Nacional dos Jornalistas e à CUT
Gestão “Não Abandone o Gilmar”
Rua Presidente Marques, 1532, Santa Helena - Cuiabá-MT- 78.005.000
sindjormt@hotmail.com – (65) 3025-4723 - sindicatodosjornalistasmt.blogspot.com.br




ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 28 DE JUNHO DE 2008


Aos vinte e oito dias do mês de junho do ano de dois mil e oito, reuniram-se na sede do Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso – Sindjor-MT – para reunião ordinária da gestão 2007/2010 os seguintes membros da diretoria do sindicato: Keka Werneck (presidente), Márcia Raquel (tesoureira em exercício), Alcione dos Anjos (secretária-geral em exercício), Valdeque Matos (Delegado da Fenaj), e os jornalistas Thais Raeli e Carlos Montandon. A reunião começou às 15h00 na sede do Sindjor, tendo como pauta principal Campanha Salarial 2008 - 'PRA TIRAR O ATRASO'- preparação para dissídio coletivo, PCCS Várzea Grande, Festa Julina com lançamento de campanhas de sindicalização e sede própria, Festival de Inverno. 1 - Informes – Keka disse que o coral do Sindjor irá cantar no dia 05 de julho no festival de Inverno de Chapada dos Guimarães na Praça do Festival, às 19 horas, outros corais também se apresentarão. Segundo ela já foi protocolado o ofício da festa do Sindjor na Adufmat e está confirmado o local para o dia 12 de julho, que falta apenas encaminhar ofício para a prefeitura da UFMT para garantir a segurança no local. Lembrou que o Sindjor precisa passar e-mail para os jornalistas informando que constantemente tem oferta de emprego no blog. Disse ainda que ela e Márcia participaram da videoconferência realizada dia 27 pela manhã na Assembléia Legislativa, dentro da luta pela democratização da comunicação, que é preciso pressionar parlamentares e governador para garantir recursos para pré-conferencia estadual em Mato Grosso para depois levar encaminhamentos para a Conferencia Nacional, a ser realizada no primeiro semestre em 2009. Outra etapa é colher assinaturas para indicar a importância da conferência, a meta dos organizadores é 1 milhão de assinaturas. Márcia lembrou que a Bahia será o primeiro Estado a realizar a Conferencia Estadual de Comunicação, antes mesmo de formarem as diretrizes da Conferência Nacional, mas eles já informaram que não haverá como fazer conferências municipais em todos os lugares e por isso decidiram fazer seminários em alguns municípios. Então, a Márcia pensou que como o Sindjor tem interesse em percorrer alguns municípios, pode organizar seminários sobre a Conferência e aproveitar a ida ao interior para debater a importância da Conferência em Mato Grosso nesses municípios, disse ainda que dessa forma seria mais fácil ganhar parceiros, como o próprio CRP. Márcia informou também que a partir de quarta-feira (02) já estará disponível no site http://www.proconferencia.com.br/ as cartas abertas do movimento para coleta de assinaturas, e quem quiser pode opinar sobre a versão preliminar até chegar ao formato final. Márcia lembrou que na próxima quinta-feira (03) o Fórum de Democratização da Comunicação se reunirá no CRP, as 19horas. Keka disse que a Fenaj encaminhou o Código de Ética dos Jornalistas em formato de folder e temos que pensar em como distribuir isso da melhor forma possível, alguns já foram entregues para levarmos aos colegas que trabalham conosco. Keka disse que o Sindjor está tentando marcar agenda com a Secom para ver a atual situação, com mudanças de carga horária e a denúncia de redução de salários. A Ana Karla, está com problemas de saúde e não pode vir a reunião, ligou e passou os informes: o Big Lar respondeu ofício que dará um item da lista solicitada pelo Sindjor, mas não disse que item seria. Disse ainda que a comissão organizadora do Prêmio Dom Pedro Casaldáliga, parceira do Sindjor e o MPT, terá reunião no próprio MPT na 3ª-feira (01), às 10h00, e ela irá representando o Sindjor. Alcione informou que fez o primeiro relatório mensal e já foi encaminhado para a categoria, a Keka disse que o Sindicato agora pode continuar com relatórios mensais, já que a primeira idéia era fazer semanalmente, a sugestão foi acatada. Sobre o projeto Sessão Pipoca, Alcione disse que entrou em contato com a CVC, conversou com o proprietário, Renato Vargas, e ele disse que não há interesse, argumentou que a pirataria está quebrando as vídeolocadoras não tem energia nem disposição para o projeto. Agora, há a possibilidade de conversar com outras locadoras como a 100% Vídeo, que é nova. E também com o Sesc Arsenal, que tem algo parecido só que no local, se eles toparem irem para a escola pode se ruma saída. A Márcia lembrou que na própria escola pode ter um DVD e data show para passar na sala de aula, a idéia e dar continuidade na busca por parcerias, como por exemplo com a Marajá para distribuição de refrigerante e com a Mika para distribuição de pipoca. Keka informou que 3ª-feira (01) Rondonópolis fará uma reunião com jornalistas para encaminhar criação oficial da sub-sede de lá. Disse que mandou e-mail para Rondonópolis, Sinop, Cáceres e Alta Floresta solicitando dados de custo de vida para contra-argumentar a tese dos patrões de que no interior o piso tem que ser menor que a Capital. Márcia disse que mandou novo e-mail para Daniela Melhorança solicitando o balanço das camisetas, mas não houve resposta. Keka entrou na pauta. I - INTERIOR- Sem demandas - II – CAMPANHA SALARIAL - Keka disse que conversou com Faiad sobre a campanha e pediu a ele para saber como o Sindjor pode ajudar na argumentação do processo, mas até agora ele não deu resposta. Surgiram dúvidas de prazo, quanto tempo para terminar o processo e o que o Sindjor pode fazer para dar visibilidade. A presidente argumentou que a mobilização continua sendo fundamental para garantir o resultado positivo do dissídio. III - FESTA JULINA - Keka lembrou que a oca da Adufmt está ok para dia 12 e questionou como está o contato com os artistas, disse que a Silvana Basani e a Márcia Andreola se ofereceram para ajudar no que for preciso para a festa. A Márcia disse que não está conseguindo contato com os três senhores que cantam músicas nordestinas e que precisa estudar a possibilidade de contratar DJ para animar a festa, mas só se ver que não dará prejuízo. Sugeriu também que fosse convocada nova reunião com o Cacos para ver o que já foi conquistado. Alcione disse que o Marcelo ainda não fez nenhuma peça, que ainda estava sem o local e a frase, mas agora já daria para fazer. A Márcia viu no blog do Sindicato que três frases estavam empatadas para o Slogan da campanha, como o Valdeque, a Thaís e o Carlos não haviam votado, eles deram votaram nas três empatadas (1- Jornalista não é artista. Vem pra luta com o Sindjor!, Valorize sua luta. Filia-se ao Sindjor; e Diga SIM ao Sindjor!) e venceu: Diga Sim ao Sindjor!. IV- VÁRZEA GRANDE – Carlos trouxe o Estatuto dos Servidores de Várzea Grande, que foi aprovado para que o Sindicato saiba dos pontos polêmicos, na terça-feira, 01 de julho, terá audiência pública na Câmara de Vereadores sobre o PCCS. Keka estará presente na audiência, mas pediu para o Carlos fazer um resumo do Estatuto e um raio-X da redação da Secom-VG. IV – CONGRESSO – Márcia disse que pedirá para Edinalva verificar as datas para realização do Congresso Estadual de Jornalismo para escolha de teses e as inscrições dos delegados para o Congresso Nacional de jornalismo. V - ASSESSORIAS - A Thaís Raeli lembrou que várias assessorias de Cuiabá estão pagando menos que o piso de assessoria sugerido pelo Sindjor e pediu um encaminhamento: fazer ofícios falando da sugestão do Sindicato do piso e mandar para os clientes das empresas que são sindicalistas, pois como eles defendem as questões trabalhistas e contratam empresas que pagam aos jornalistas menos do que é proposto pelo Sindjor. VI- REUNIÃO - Alcione lembrou que nos dois próximos sábados não haverá reunião ordinária, porque no dia 05 o Sindjor irá participar do Festival de inverno com apresentação do Coral na Boca do Povo e no dia 12 será a festa Julina do Sindjor, e que temos que avisar a categoria com antecedência. Por voltas das 17h00 e sem mais a tratar, a presidente Keka encerrou a reunião e eu, Alcione dos Anjos, lavrei a presente ata.

Alcione dos Anjos – secretária geral em exercício do Sindjor-MT

Nenhum comentário: